FORMULAÇÃO MAGISTRAL DE LIBERAÇÃO MODIFICADA

As formulações de liberação modificada é um tema bem conhecido no setor da industria farmacêutica 
desde varias décadas atrás, e já existem equipamentos industriais mais que adequados para 
produzir esse tipo de forma farmacêutica. Por um outro lado, no setor magistral que é do nosso 
interesse, a situação não é tão adequada como na industria por vários motivos, a saber:

1) Os lotes de manipulação não excedem, pelo geral, os 100 gramas, com media de tamanho de lotes em 
20-30 gramas correspondente a não mais que 50 ou 100 unidades em capsulas.

2) Esses tamanhos de lotes não permitem uma correta aplicação das técnicas desenvolvidas para a 
industria e então adequações são necessárias objetivando a correta qualidade do medicamento magistral 
principalmente no que diz a teor, uniformidade de conteúdo, e fundamentalmente, perfil de dissolução.

3) No setor magistral não existem ainda hoje, equipamentos adequados para produzir essas formas de 
liberação modificada capazes de manejar tão pequenas quantidades corretamente.

Os três motivos principais apontados acima é um desafio que o setor magistral deve enfrentar e nos aqui 
discutiremos algumas soluções que deram bons resultados na manipulação magistral de formas farmacêuticas 
de liberação modificada.

Clique aqui para baixar o artigo completo